OAB Amazonas

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL SEÇÃO AMAZONAS



Notícias

Publicada em: 17/03/2017 | Categoria: Notícias Gerais

Evento de lançamento da CamNorte celebra conquistas em arbitragem e mediação no Estado

O auditório da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Amazonas foi palco de um momento histórico para a arbitragem no Estado. Na noite desta quinta-feira (16), a instituição recebeu a cerimônia de posse da diretoria da Câmara de Arbitragem e Mediação do Norte (CamNorte), resultado da fusão entre a Câmara de Mediação e Arbitragem do Amazonas - CAMAM e o Centro de Arbitragem da Câmara de Comércio Estados Unidos da América no Amazonas (Cenarb).

 

O presidente da CamNorte, Caupolican Padilha Júnior, também falou sobre a conquista. “Nós passamos dias, semanas debatendo sobre esse projeto para que pudéssemos oferecer ao ambiente empresarial regional um centro de soluções de conflitos que possa dar conta do que seria a natureza teórica e mercadológica essencial que é a arbitragem”, reforçou. “Dirigir um centro de arbitragem redesenhado, remodelado com conceitos modernos de engenharia e governança corporativa é uma grande conquista”.


Alvarina Miranda de Almeida, ex-presidente da CAMAM, ressaltou que a criação da CamNorte é a realização de um sonho que vem sido trabalhado há cerca de 20 anos. “Nós tivemos uma luta muito grande para chegar até aqui, esse é um sonho que demorou para ser alcançado. Eu jamais pensei que fosse ver um grupo de jovens arbitralistas tão interessados por esse tema, viajando para o exterior, participando de competições anuais. Essa é a mesma sensação de se criar um filho e ver ele tomando bons caminhos, estou muito feliz”, disse.


Segundo Alvarina, um dos principais desafios foi introduzir o tema no país. “É muito difícil a gente mudar pensamentos no Brasil, pois a população já está acostumada com a Justiça Estatal. Nos EUA, por exemplo, esta prática é secular, mas no Brasil há uma falta de cultura das pessoas em resolver suas questões com maior facilidade, justamente por não acreditarem em uma justiça alterativa”, relembrou.


Durante a solenidade, o presidente da U. S. Chamber of Commerce of Amazonas, Kleber Damasceno Goes, falou sobre a participação da Cenarb na CamNorte. “A nossa Câmara Americana de Comércio, através do CENARB, entra com a tecnologia, o conteúdo estatutário, a governança e transparência, com o regulamento da arbitragem e com o desenho da proposta de funcionamento da nova instituição, certo de que o futuro reconhecerá o acerto dessa união. Quero, então, reconhecer a sabedoria do Dr. Caupolican Padilha Junior que trabalhou junto com o Dr. Daniel Nogueira no sentido de agregar as melhores características das duas instituições, aliando a experiência da CAMAM com a agilidade e boas práticas do CENARB. Parabéns Dr. Caupolican Padilha Junior, muito sucesso frente à CAMNORTE, e parabéns a todos que participam deste projeto que já nasce vitorioso”, disse o presidente.

 

Valdemar Pinheiro Filho, representante da FACEA - Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Amazonas, instituição associada benemérita da CamNorte, disse que considera este um grande avanço para o Estado. “Essa é a realização de um sonho, que nós demos todo o apoio para que se realizasse. Isso tem uma importância enorme pois nosso Estado ainda está muito atrasado no campo da arbitragem, e este é um grande passo”, disse.


O evento, que reuniu grandes nomes da Arbitragem e Mediação no Estado, também foi marcado pela posse da presidência da Comissão de Arbitragem da OAB/AM, que passou a ser ocupada pelo advogado Bráulio Ghidalevich. Durante seu discurso, Bráulio ressaltou os principais objetivos visados pela comissão.


“A expectativa maior para a comissão está voltada a três principais pontos, que são a formação de um corpo de advogados buscando condições de aprimoramento na área da arbitragem, a criação de centros de arbitragem que visem o estímulo e a fiscalização da atividade, e finalmente e não menos importante, a divulgação da arbitragem como meio de solução de conflitos para que essa realidade se torne cada vez mais forte no estado”, concluiu.


O presidente da OAB-AM, Marco Aurélio Choy, esteve presente na cerimônia e destacou a arbitragem como um importante campo de atuação profissional para os advogados. “Um dos desafios da Comissão de Arbitragem e da Ordem como um todo é explorar novos nichos da advocacia, e a missão é justamente abrir esse mercado de trabalho para o advogado na arbitragem. Esse é um compromisso que a comissão assumiu, na certeza de que o presidente Bráulio vai trazer muitas conquistas para a área”. Sobre a CamNorte, Choy ressaltou que surge uma grande câmara de arbitragem que será referência não só no Estado do Amazonas, mas em toda a região Norte do país.

 

A CamNorte é formada pela associação entre Cieam, Fieam, Sebrae, Suframa, Fecomercio, Facea, Us Chamber, Sinetram, Oab/am e UEA.

 


© Copyright OAB/AM 2017 - (92)3194-1807(ramail 207)/3194-1808 (ramal 208) / Tesouraria:99286-3958 /3194-1805 (ramal 205) / Secretaria:99303-1888 - E-mail: oab@oabam.org.br
Av. Umberto Calderaro Filho, nº 2000, Bairro Adrianópolis. CEP 69057-021